sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Dilma e o ponto eletrônico




A Dilma não é capaz de completar o seu raciocínio nem nos comícios promovidos pela Petralhada Vagabunda. E sabendo dessa dificuldade de lidar com o público, é que ela precisa de um ponto eletrônico para falar com os petistas mesmo se tratando de manifestações compradas. O que esperar desse boneco de ventríloquo? Ela não possui idéias e opiniões próprias para empolgar uma multidão de otários. É preciso sempre que o Lula esteja do lado do poste para dar algum brilho ao espetáculo de horrores da candidata.

É triste ver uma candidata que não tem vida própria, ser a favorita nessas eleições. É por essas e outras que eu quero ver o meu país sendo representando por um estadista competente como José Serra! 45 neles! E sem ponto eletrônico, claro!

Nenhum comentário: