sábado, 3 de julho de 2010

O Uruguai voltou !

Uma das frases mais conhecidas do futebol brasileiro é: “Tem coisas que só acontecem com o Botafogo”.Mas, bem que essa frase poderia se encaixar perfeitamente à Celeste Olímpica. O final da história nunca é previsível na vida da seleção Uruguaia, há sempre um algo a mais que acompanha o Uruguai nos jogos decisivos e, não tem sido diferente nessa Copa do Mundo na África. Quem poderia imaginar que, no último lance do jogo, Gana pudesse arrancar um pênalti com duas defesas de puro reflexo do atacante Suárez? Claro, uma defesa legal com os pés e, outra ilegal com as mãos.Logo, muita gente deveria ter pensado na eliminação da equipe sul americana da Copa, não é? Mas, é um erro! Nunca devemos duvidar da tradição da primeira grande potência do futebol mundial! Quem já calou o Maracanã em 50, poderia muito bem calar os africanos em 2010. Foi aí que apareceu a mística da Celeste. O atacante Gyan, o grande jogador de Gana na competição, desperdiçou o que seria o maior feito de uma seleção africana em Copas e, ao mesmo tempo, fez ressurgir a tradição uruguaia em Mundiais.

Para que serve o Gênio no futebol? Ora, ele é o “Grand Finale”, o homem capaz de decidir nos momentos mais difíceis. O gênio é sempre chamado de louco e, não foi diferente com mentes brilhantes como Albert Einstein, Vincent Van Gogh, Alberto Santos Dumont entre outros. Não é a toa que o El Loco Abreu é chamado de louco pela imprensa uruguaia, é que ninguém compreende a sua genialidade! Na última cobrança de pênalti, Sebastian Abreu teve toda a categoria do mundo, com direito a cavadinha, para marcar e colocar o Uruguai nas semifinais da Copa do Mundo.

Parabéns Uruguai ! Parabéns Loco Abreu! Os Botafoguenses estão com vocês!

Nenhum comentário: