segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Ainda bem que existe Alexandre Garcia





A TV Globo mostrou ontem, no Programa do “Fantástico”, a entrevista com o golpista Manuel Zelaya, uma conversar entre compadres na embaixada brasileira. O jornalista da TV Globo chegou ao cúmulo do “puxa-saquismo” ao chamar Zelaya ainda de presidente, e era evidente a tentativa tosca do jornalista em minimizar a situação. A missão era mostrar aos brasileiros de que estava tudo normal na Embaixada do Brasil, e também “provar” que o governo brasileiro não sabia de nada, tudo isso foi uma ação espontânea do cowboy bolivariano sem o consentimento do presidente Lula, era o que dava a entender sempre na reportagem.


Ainda bem que ainda existem analistas políticos comprometidos com a verdade, e no programa do “Bom Dia Brasil” de hoje, o comentarista Alexandre Garcia fez questão de dizer que o Zelaya é um caudilho bolivariano, um fantoche de Hugo Chávez, que faz da embaixada brasileira um escritório do crime organizado e com o aval de Lula e Celso Amorim.


Não entranhem se um dia desses vocês ouvirem falar na demissão do comentarista político Alexandre Garcia. O governo do PT não aceita de forma alguma um oposicionista nos meios de comunicação.

Nenhum comentário: