sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Leo Fender & Les Paul



Leo Fender e Les Paul foram dois personagens importantes na introdução de instrumentos elétricos no mercado. Eram gênios anos luzes na frente de suas gerações e que mudariam o rumo da música popular do século XX.


Se estivesse vivo, Leo Fender completaria 100 anos no dia 10 de agosto de 2009. Um mito nascido na Califórnia que desde a sua adolescência já manipulava rádios, e que logo começaria a se interessar por amplificadores. A sua maior invenção foi à criação do baixo elétrico com trastes, a popularização do instrumento foi imediato, já que o baixo clássico não possuía trastes, o que dificultava um pouco a aprendizagem do instrumento. Nada como uma bela sacada de gênio. Acho que não é preciso nem dizer que Leo Fender foi o principal responsável pela fundação da Fender, empresa para fabricação de instrumentos musicais, tendo a guitarra como “carro-chefe”.



No dia 13 de agosto de 2009, o lendário guitarrista Les Paul morreu aos 94 anos, por conta de complicações de pneumonia, uma grande perda para a música popular. Les Paul foi extremamente importante para o surgimento do Rock’n’Roll e ainda criou “as gravações em múltiplos canais”, que permitiu gravar instrumentos variados em momentos diferentes. Como amante da guitarra elétrica, e após anos fabricando o seu próprio instrumento, Les Paul decidiu inventar o “Gibson Les Paul”, nascido de uma parceria com Ted McCarty, e se tornou a guitarra elétrica mais assediada pelos guitarristas de rock. R.I.P Les Paul.

Dois gênios que contribuíram essencialmente para a popularização do rock no século XX. Então quero aqui prestar minha homenagem a esses dois grandes mestres da música moderna.

Nenhum comentário: