sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Honduras nas manchetes bolivarianas


Existe a Honduras das manchetes bolivarianas, e a Honduras verdadeira, que é totalmente contra a instalação de uma ditadura socialista no país. As agências internacionais parecem ser a favor de toda essa bandalheira comunista na América Latina, é só ler as reportagens, para perceber que todos os jornalistas que cobrem o contra-golpe institucional em Honduras, são torcedores da ideologia vermelha. Eles insistem em chamar Micheletti, o atual presidente, de golpista, só para começar.


Como Roberto Micheletti pode ser golpista, se as eleições estão garantidas para esse ano? O próprio presidente de Honduras afirmou que vai garantir a segurança, com o apoio das Forças Armadas, nas eleições que vão começar em novembro, e ainda convocou as entidades internacionais para acompanhar as eleições hondurenhas.


Enquanto isso, uma minoria comunista, mas baderneira, tenta fazer uma campanha contra a realização das eleições no país para recolocar o chavista Zelaya no poder. E não poderia ser diferente, os vermelhinhos querem que a comunidade internacional não reconheça o novo governo que assumirá em 2010. Isso a imprensa não relata, não é?São jornalistas bolivarianos a serviço dos comunas que omitem informações preciosas contra esses marginais!


Se as agências internacionais continuarem a defender toda essa onda vermelha na América Latina, eles mesmos irão se prejudicar, até porque, o socialismo não permite liberdade de imprensa.


Nenhum comentário: